sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

Ilhabela - Camping Pedra do Sino

Uma viagem tão esperada por nós, Ilhabela! Sempre tive um "pé atrás" em acampar nas épocas de Reveillon e Carnaval. Os 800Km de distância de casa sempre faziam a gente mudar de idéia. Lendo muitos relatos vimos que o Camping Pedra do Sino se comportava bem, mesmo estando cheio. Realmente o camping é muito bom e mesmo estando lotado não tivemos nenhum problema. Banheiros constantemente limpos, áreas limpas, ótima organização. Chegamos no dia 28/01 e ainda haviam bons lugares para montar a barraca. Levamos apenas 15 minutos para atravessar. Algumas dicas: Há gelo no mercadinho saindo a direita do camping, levem repelente Exposis Extreme, chove todo final de tarde, se for alta temporada chegue cedo a praia, se puder cozinhe na barraca. Cozinhamos todos os dias na barraca e além do prazer que isso proporciona, economizamos muito. 90% dos restaurantes são caríssimos .



1° Dia - Fizemos uma remada com nossas pranchas de SUP da Praia Pedra do sino até a Ponta das Canas, passando pelas Praias do Pinto e Armação. A remada foi ótima e pudemos ver um visual incrível. No final do dia fomos conhecer a Vila (nada demais).
                                                                 Praia da Armação

CaipiFolha
2° Dia - Fomos fazer o passeio de Castelhanos (R$80 p/ pessoa), agendamos o passeio um dia antes em uma agência e o Jipe nos buscou no Camping 10hs da manhã. São 50 minutos chacoalhando em um Jipe até o início da trilha da Cachoeira do Gato. A trilha é cansativa, porém vale todo o esforço foi recompensado quando chegamos até a Cachoeira do Gato. Uma queda d'água gigante e uma piscina linda! Na volta da trilha não deixe de experimentar a Caipifolha - Caipirinha da folha de mixirica (R$15). A melhor bebida refrescante que eu já experimentei. Após reunir o grupo o Jipe nos levou até a praia de castelhanos, são apenas 10 minutos de trilha. A praia é linda e vale muito o passeio! Se gostar de mergulhar leve o Snorkel. A volta você pode escolher em voltar de Jipe ou deixar agendado anteriormente para voltar de barco.

                             
                          Cachoeira do Gato
Cachoeira do Gato
Trilha pra Castelhanos

Trilha da Cachoeira do Gato
Praia de Castelhanos

3° Dia - Ilha das Cabras, que paraíso!Saindo do camping são 15 minutos de carro até lá. Levamos todos os nossos equipamentos de mergulho achando que seria apenas mais um mergulho! Nem imaginávamos o que estava por vir. A sensação era de que estávamos em um aquário. Muitos, muitos e muitos peixes. Não sabíamos pra onde olhar. Arriscamos e fomos dar a volta na ilha mergulhando, fomos MUITO bem recompensados com isso, encontramos uma linda tartaruga que parecia esperar nossa visita. Em um nenhum momento ela se assustou e podemos curtir esse momento único.


Lancha passando ao lado

50x50
Tartaruga


Cardume




4° Dia - Ilha das Cabras, isso mesmo! Ficamos tão encantados, que mesmo tendo outras opções decidimos voltar lá. Ao começarmos a dar a volta novamente na ilha a Yasmim falou "amor vamos reencontrar a tartaruga". Eu como sempre pessimista respondi " Você tá doida"! Inacreditavelmente, a tartaruga estava no mesmo lugar! Ela começou a nadar como se estivesse desfilando pra gente e pudemos tirar várias fotos e aprecia-la novamente. Recomendação de Segurança: Se não tiver acostumado, não se empolgue e vá da a volta na ilha. Há correnteza e não há ponto de descanso.
 Saímos da Ilha das Cabras e fomos conhecer a praia do curral, não gostamos. Praia comum e muito cheia. Não gostamos de praia cheias de bar. Estacionamento mais barato R$15. Tudo muito caro.

5° Dia - Jabaquara, saindo do camping são 9,4km até a praia. Chegamos 8:30 e fomos os primeiros na praia. Paramos o carro bem próximo a areia (R$15). Mergulhamos e tomamos muito banho de mar. A praia é maravilhosa! O preço do restaurante é acessível. Levem repelente e cheguem cedo, são as melhores dicas pra esse paraíso chamado Jabaquara.

Conhecemos o amigo Marcio Ribeiro e apenas de faltar a foto, adoramos o presente amigo! Na próxima vai poder experimentar o nosso bolinho de bacalhau.

O único ponto negativo foi a volta, levamos 5hs para atravessar para São Sebastião. Mas todo esforço compensa, a viagem é maravilhosa!

4 comentários:

  1. Parabens pela viagem....Abraços Andre e Giovana

    ResponderExcluir
  2. Oi Eduardo, adicionei seu blog a minha lista de blogs, mas não consigo segui-los. Abraços www.campingefotografia.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Poxa que legal! Justamente a viagem que eu e meu marido estamos querendo fazer no réveillon

    ResponderExcluir
  4. Adorei o post!!! Queria saber quando vocês saíam do camping pra passear onde vocês deixavam o SUP? Por ser grande é ruim de ficar levando no carro quando não vai usar né? Gostaria de ir pra lá ainda esse mês. O lugar é seguro? Apenas trancar a barraca fica tudo OK?

    ResponderExcluir